Notícias
Steve Jobs

O líder da fabricante de aparelhos de tecnologia Apple, empresa que lançou o iPad neste ano, fez apenas um semestre no Reed College, em Portland. Depois de desistir da graduação, Steve Jobs, que hoje tem 55 anos, assistia apenas às aulas que o interessavam para acompanhar amigos e ter um lugar para dormir, além de frequentar o templo Hare Krishna da região.

Mesmo sem diploma na mão, Jobs teve experiência com um emprego de verão na Hewlett-Packard (HP), em 1971.

Está gostando desse conteúdo?

Cadastre seu email no campo abaixo para ser o primeiro a receber novas atualizações do site.

Fique atualizado! Cadastre para receber livros, CDs e revistas promocionais.

Lá, conheceu Steve Wozniak, um gênio da eletrônica que o ajudaria a construir os primeiros computadores da Apple. Em 1974, trabalhou como técnico de videogames eletrônicos na Atari.

A Apple foi criada na garagem de Jobs e seus amigos em 1976. De lá para cá, Jobs já foi demitido da empresa, em 1985, fundou a NeXT e a Pixar para retornar ao comando da empresa de hardware em 1996. Sua fortuna pessoal é estimada em 6,1 bilhões de dólares. Em 2007, ele expandiu os negócios para o ramo de telefonia com o lançamento do iPhone. Hoje, o smartphone é o aparelho mais rentável do segmento nos Estados Unidos.

Fonte: http://exame.abril.com.br/carreira/noticias/8-executivos-famosos-que-nao-terminaram-a-faculdade?p=3#link


Comentários
(*)Campos obrigatórios, e-mail e telefone não serão publicados)
Notícias de Líderes
Rachel Sheherazade
Ricardo Boechat
Bruna Marquezine
Messi
Brad Pitt
Fátima Bernardes
Silvio Santos
Pedro Bial
Boris Casoy
Sandra Annenberg
Hillary Clinton
Papa Francisco
Angela Merkel
Mark Zuckerberg
Neymar
Willian Bonner
Michael Dell
Alexandre Garcia
Steve Jobs
Miriam Leitão
Chico Pinheiro
Barack Obama
Samuel Klein
Bill Gates
Rainha Elizabeth II
Jennifer Lopez
Wilian Waack
Fausto Silva
Ana Maria Braga
Jackie Chan
Xuxa
Xi Jinping
Vladimir Putin
Gisele Bündchen
Ana Paula Padrão
Angelina Jolie
Cristiano Ronaldo
Carlos Nascimento
Ratinho
Donald Trump